Entrar // Sobre // Equipe /
kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

sexta-feira, 16 de agosto de 2013

30 dias em São Paulo - Dia 10


Esta postagem faz parte dos relatos das experiências de um estudante paraense em São Paulo em ocasião de um intercâmbio feito entre os cursos de Geografia da UFPA/Belém e o curso de Geografia da USP/Butantã. As postagens serão equivalentes aos dias vivenciados, como numa espécie de diário de bordo. Os textos se propõem a ser sintéticos e informativos. Dessa forma, objetivamos gerar resultados e informação sobre essa interessante modalidade de aprendizado partindo da percepção do estudante sobre o novo mundo que se desvenda diante de seus sentidos diariamente. No total serão 30 dias em São Paulo, morando no Condomínio Residencial da USP, o CRUSP. 
Saiba mais clicando aqui! 


15/08/2013 – DÉCIMO DIA - O frio continua persistente e forte. Hoje preciso finalizar uns mapas e revisar uns artigos que serão apresentados no SIMPURB em novembro desse ano no Rio de Janeiro. Não poderia arrumar um lugar melhor para montar meu “acampamento” de trabalho do que Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin – USP. Espaço aconchegante, repleto de poltronas e sofás confortáveis, que nos brindam com a mais importante coleção de livros sobre estudos brasileiros formada por um particular. São cerca de 17.000 títulos, ou 40.000 volumes. Parte do acervo doado pertencia ao bibliófilo Rubens Borba de Moraes, cuja biblioteca foi guardada por Guita e José Mindlin desde a sua morte. A coleção foi doada pela família Mindlin à USP em um gesto de extrema generosidade para com a nação. A Biblioteca tem uma arquitetura moderna e impressionante. Uma verdadeira obra de arte por si só. Para saber mais sobre a Biblioteca basta acessar o site http://www.brasiliana.usp.br/node/504.

Pela parte da tarde, encontrei com minha coordenadora e amiga, professora Márcia Pimentel, que está em missão de estudos PROCAD aqui também. Iniciando o seu Pós-Doutorado. Foi discutido a respeito do futuro trabalho de campo que participaremos sob sua coordenação, possivelmente, ao município de Campos do Jordão - SP. Outras considerações sobre a missão e demais assuntos corriqueiros, como o frio que tava de matar, foi colocada em pautas. No mais, o café forte vendido na lanchonete do prédio de Geografia e História da FFLCH/USP, ajudou a espantar um pouco o frio. Em seguida, despedi-me da professora e seu marido.

Faltavam alguns minutos para começar a palestra “O Brasil em tempos de manifestações” proferida por Marilena Chaui e Laymert Garcia dos Santos. Certamente eu não podia perde. O anfiteatro da Geografia ficou completamente lotado sendo que um espaço no chão era disputado. A palestra fez por merecer aquele público todo. Que clareza de ideias e velocidade de pensamento! Uma oratória e senso de humor que encadeavam análises profundas e pontuais! Quanta simplicidade em tratar de assuntos tão delicados como os atuais protestos que estão acontecendo no país e sua relação com a mídia de massa. A política dos protestos apolíticos se revela no momento que o povo grita nas ruas “Eu quero mais dinheiro pra saúde e educação!”. Não me atreverei aqui narrar os pormenores daquela palestra rica em significados e aprendizados.


Deixo o anfiteatro com uma gostosa sensação de saciedade. O alimento foi muito bem preparado e servido à moda Chaui.

(Walter Rodrigues - bolsista PIBIC/UFPA) 

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...